Edson Fernandes Theodoro
"Somente os fortes aprendem com a vida, os fracos...padecem antes do aprendizado"
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
PerfilPerfil
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

A VIDA

Seguir umas vagas quimeras, eis a vida!
É como lançar a mão vertendo sangue, entre espinhos;
Pelos caminhos, deixar o gemido e os farrapos da carne

Tragar o fel que existe nos vinhos

O veneno que morre em todas as panaceias
Todavia insite entre as raízes e as ervas
Daqueles que vão de modo plangente 
Gritar com lamento pelos caminhos;

Chegar, enfim exausto ao apogeu da idade
Ver que o jardim de encantos que sonhamos
Não desfaleceu, revés supremo
Ver que a felicidade ficou além, lá no vale onde tudo é obsedante









 
Edson Fernandes Theodoro
Enviado por Edson Fernandes Theodoro em 09/01/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
Deixe a vida! Deixe-a andar Não queiras da vida ter O que ela não possa dar Nem tu possas merecer...(Edson Fernandes)